Monthly Archives: maio 2012

Investimento em ações não é ciência exata

Apesar de a matemática ser essencial para uma boa análise de ações, não podemos nunca nos esquecer que os papéis são negociados por indivíduos e esses não são sempre racionais. Não existe um modelo perfeito para a escolha das ações. Bom senso é um ativo importante na avaliação. Veja alguns exemplos de como a falta de flexibilidade pode gerar decisões de investimentos equivocadas.

Continuar lendo

O confuso momento do setor imobiliário

Em anos anteriores, as ações do setor sofreram em decorrência das condições macroeconômicas. Contudo, a partir de 2011, os resultados das companhias têm sido impactados por questões inerentes à operação como o estouro do orçamento das obras. O anúncio de capitalização da PDG traz mais incertezas.

Continuar lendo

Esqueça o retrovisor ao analisar a rentabilidade das cias

Com o fim da safra de balanços das companhias referente ao primeiro trimestre, percebe-se um decréscimo dos lucros e, como consequência, da rentabilidade sobre o patrimônio líquido. Por que houve essa deterioração? Adianto que há espaço para recuperação e que a queda do retorno das companhias não é significativa vis-à-vis os juros primários da economia.

Continuar lendo